Os Guardiões da Galaxia (Bunch of assholes!)


ADVERTÊNCIA: Você deve escutar essa Trilha Sonora!


A Marvel Studios é injusta até dizer chega! Até quando eu estava enjoando de adaptações de quadrinhos para o cinema, eles conseguiram me colocar de volta ao jogo e me animar! Começou com Capitão América 2, e agora com Guardiões da Galaxia, filme que mostra que a Marvel pode transformar até os heróis mais desconhecidos em personagens extremamente carismáticos!

Em Guardiões da Galaxia temos Peter Quill, um jovem terráqueo que, depois da morte de sua mãe, foi capturado e levado ao espaço. Ele cresceu e se tornou um saqueador (tipo um Indiana Jones mercenário). Depois de roubar um artefato chamado Orb (que é uma das joias do infinito de Thanos), ele passa a ser procurado por várias caçadores de recompensa, e junta-se a Gamora, Drax, Rocket Raccon e Groot.

Se O Soldado Invernal foi um thriller de espionagem sério, Guardiões da Galaxia é um filme de anti-heróis que não tem a menor preocupação em ser sério ou sutil. Em determinada cena do filme Star lord fala sobre a lenda de "Footloose" e do guerreiro Kevin Bacon. A Marvel transformou Guardiões em uma grande homenagem Pop aos anos 80, pois o estilo é tão caracteristico da época, que nos faz lembrar de Star Wars. Todo o visual Si-fi é lindo e muito bem retratado (grande direção de arte), o que torna tudo mais palpável. 

A Primeira cena do filme (que não revelarei aqui) é extremamente importante, pois nos faz querer acompanhar Star Lord em sua aventura. O Personagem se torna mais profundo. Gamora pode ser ameaçadora, mas diferente da personagem dos quadrinhos, a versão dela para o cinema demonstra-se mais fragil, porem, mais humana. Drax, sem a habilidade de entender sarcasmo, torna-se extremamente divertido. Sua motivação é compreensível e não precisou de muito tempo de explicação para ser entendida. Rocket Raccon é um dos personagens mais interessantes, pois apesar de ser um Guaxinim, é tão humano quando qualquer outra pessoa. E é o mais porra loka da história toda (a cena em que ele atira em todos da prisão é algo lindo...perturbador, mas lindo...). "Eu sou o Groot"...Quer dizer, Groot é aquele personagem de bom coração, que quando está em situação de perigo, não pensa duas vezes em destruir tudo que encontra. Uma frase é o suficiente para adorarmos tanto ele. "Nós somos Groot!"


Os vilões do filme podem ser um pouco desinteressantes (apesar de Roman ser um dos mais perigosos do universo Marvel), mas isso se deve pelo filme dar todo o destaque ao grupo principal. Aqui não temos grandes ligações a outros filmes, e isso é o que dá espaço para o desenvolvimento de um novo universo. O Cinema sempre precisa de novidade. Algo que faça o espectador querer cada vez mais um pouco do universo retratado, e isso é o que o filme faz de melhor.

A Marvel Studios sabe o que faz. Se haviam duvidas, agora elas já não existem mais. Guardiões da Galaxia é um filme que está longe de ser sombrio e muito menos sutil. Vai direto ao ponto! No clímax do filme vemos os heróis enfrentando Roman, e Star Lord afirma: "Somos os Guardiões da Galaxia!". É, parabéns ao filme por não ter medo de ser o que é!