5 Finais filmes mais fodasticas desse mundo - Por Gustavo


É necessário avisar que este post contém Spoilers? ¬¬

Sonho ou Realidade? (A Origem)
Essa atual geração otária assistiu o seu tipo Matrix; um filme WTF, que te deixa de queixo caído. O pião é um tipo de “totem”; se ele girar e cair, Dom (DiCaprio), está no mundo real, mas se ele continuar girando, ele está no mundo dos sonhos. No final do filme (não me diga, essa lista é sobre o que então?), ao retornar para casa, ele gira o pião numa para ver se é realidade ou não, mas se distrai quando re-vê seus filhos. Close no pião, que continua girando, parecendo que vai cair, quando de repente…O filme acaba. Sem nenhuma explicação se o pião caiu, ou não, deixando uma grande pergunta aberta. Nolan foi um desgraçado.

4° Lugar: A Morte de Johnny, The Boy (Mad Max)
Depois de todo o inferno que a gangue de motoqueiros causaram na vida de Max (Mel Gibson), além de terem matado seu melhor amigo, atropelarem sua esposa e filho (ainda bebê), Max com sede vingança, vai atrás da gangue, e sai atropelando todos eles literalmente. No final, depois de ter matado o líder da gangue, ainda faltava um: o covarde, Johnny The Boy. Max o encontra no meio da estrada, roubando as roupas de uma pessoa morta. Max lhe prende num carro, e coloca um isqueiro acesso, onde o óleo que estava caindo, explodirá o carro. Max dá um serrote para Johnny, para cortar seu tornozelo, e poder escapar da morte com tempo de sobra antes da explosão. Max então vai embora em seu carro, e só se vê uma explosão, com Johnny possivelmente morrendo. Max então dirige pelas estradas sem destino, num mundo pós-apocalíptico ainda não tão selvagem como se vê nos próximos filmes.

3° Lugar: O Feto Humano (2001 – Uma Odisseia no Espaço

O final de ’2001 – Uma Odisseia no Espaço’ não poderia faltar nessa lista. Kubrick consegue montar os minutos finais mais grandiosos do cinema, com rimas cinematográficas, tanto na clássica trilha sonora, até o momento de tirar o fôlego, onde o Feto das Estrelas (a evolução máxima de um ser vivo, com todo o conhecimento e serenidade) se aproxima do nosso planeta Terra.


(Palavras do possivelmente falecido Vinicius, do 4Zap...)


2° Lugar: A Estatua da Liberdade (Planeta dos Macacos)

Sabe aquele filme que tu ri pra não chorar? Não? Então tudo bem. Com certeza um dos melhores filmes de ficção-cientifica (o livro é melhor ¬¬), nosso protagonista acaba descobrindo que na verdade, esse tal planeta habitado por macacos, nada mais é, do que o seu próprio planeta! É, o planeta Terra. Ou seja, não há escapatória, ele sempre esteve onde queria estar. 

Pessimista, mas realmente foda.

1° Lugar: Batizado e Assassinatos (O Poderoso Chefão, Parte I)

Um dos maiores (mais gigantes) clássicos do cinema, tem um final espetacular. Afinal, Vitor Corleone (Marlon Brando) não morreu por morrer, foi tudo armação mesmo; agora Michael (Al Pacino) era o novo Don, e decide matar cada um dos outros Dons de Nova York, em cenas das mortes mais bem planejadas do cinema. Enquanto esses assassinatos acontecem, Michael está no batizado de seus filhos. O contraste é o que mais chama a atenção, fechando de maneira impecável a primeira parte da grande trilogia do cinema. 

Então, essa foi a lista, ou Top 5, chame do que quiser. Espero que tenham gostado, e comentem, pois é meu salário nessa bagaça ;)

Alguém