O Homem de Aço

Ou como gosto de chamar: UM HOMEM DE ESTILO!
Crítica
Toda e qualquer referencia de Superman nos cinemas vem dos filmes de Christopher Reeve. Mesmo quando tivemos outro ator no papel, mais precisamente Brandon Ruth em Superman - O Retorno, o modo de mostrar o personagem foi exatamente o mesmo. Muitos não gostaram de Superman - O Retorno, que é mais uma homenagem do que um filme solo. Se passaram 7 anos deis do ultimo filme, e em meio a tanto tempo, nunca vimos uma nova versão do personagem nos cinemas, sem o tema Clássico de John Willians, uniforme bem colorido, Lex Luthor, entre outras coisas.

Dai, Zack Snyder (300 e Watchmen) ficou encarregado de construir uma nova versão de Superman, e para isso, ele teve a ajuda de Christopher Nolan (Trilogia Batman TDK). Era dificil imaginar Superman adaptado de uma maneira que se distancia a dos filmes de Reeve, mas assim é lançado Superman - O Homem de Aço, que não é uma grande homenagem, não tem John Willians, e muito menos Lex luthor. Ele é um filme que se sustenta sozinho e não erra nisso. 
Diferente do que muitos pensam, esse novo Superman, interpretado por Henry Cavill não é um escoteiro, e muito menos inoscente (a cena em que ele se vinga de um cara no bar representa isso). Ele cria o seu próprio Clark/Kal-El. Até nas cenas onde ele teve de interpretar o personagens em diferentes fases de sua idade, ele da um show. A Nova Lois Lane não é tão firme e as vezes não lembra muito aquela mulher forte que vimos, tanto nos quadrinhos, tanto na versão interpretada por Margot Kidder, mas ainda sim, consegue se sair bem. Zod não diz sua clássica frase: "Ajoelhe-se Perante Zod!", mas ele é mais uma das coisas que se sai maravilhosamente bem, sem precisar se prender ao passado.
Outra elemento que teve bastante destaque no filme, diferente dos anteriores, foi o Planeta Klipton, que aqui, demonstra ser diferente do que um grande planeta gelado, e tem sua própria cultura (que me lembrou, muito sutilmente, a Indiana). E essa cultura, e tambem podemos dizer religião, é mostrada no filme muito bem, e bem explicada. Ressalto a frase: Lara (Mãe de Superman): "Ele será rejeitado. Irão Mata-lo!", Jor-el: "Como? Ele será como um deus para eles". Alias, os dois pais de Clark, tanto Jor-el, interpretado por Russell Crowe, quando Jonathan Kent, interpretado por Kevin Costner, tem parte fundamental no filme, e ambos atuam maravilhosamente bem. Jor-el deixa de ser apenas o pai morto, e tem mais vida nesse filme do que nunca.

Mas e as cenas de ação?
Uma das maiores reclamações de quem assistiu Superman - O Retorno foram as cenas de ação, ou a falta delas. O Filme por si só não foca nisso, mas chega ao ponto de não adicionar nenhuma, o que acaba sendo estranho para muitos que esperam ver Superman em Ação. MAS! O Homem de Aço concerta isso! As cenas de ação são devastadoras, quase no estilo Michael Bay, e não tem medo de exagerar. Me Lembram até Dragon Ball Z.

A Trilha sonora casa perfeitamente com todo o roteiro. Sei que alguns iram ver o filme na esperança de ver alguns trechos que lembrem a trilha sonora de John Willians, mas não sejam assim. É uma trilha sonora nova, empolgante, e linda. Ouça o tema:
O Meu maior medo era que Zack Snyder fizesse as merdas que havia feito em Watchmen e Sucker Punch, mas para a minha surpresa, e acredito que a deu muitos, não foi assim. Não sei dizer se foi Nolan que deu uma segurada nele, mas ele não errou. Me fez até perguntar: É um filme do Zack Snyder mesmo??? A Direção e o roteiro são belos, emblemáticos e em alguns momentos emocionam. Enfim, Superman - O Homem de Aço é um filme lindo e que entende a missão do Superman nesse planeta.



PS. O 3D Não Vale a pena em nada! Só irá roubar o seu dinheiro
PS. Prefira sempre o Original, mas se tiver a oportunidade de ver Dublado, pode ir sem medo pois é bom!